0,5% Humano

Não, não estou falando de seres de outros planetas. Também não falo daqueles que explodem bombas sem se importar se atingem crianças, velhos, mulheres…

Quero me referir ao Microcosmo que habita em nós. Sonia Hirsch, em seu incrível livro Almanaque de Bichos que dão em Gente, fala bastante e de forma muito acessível sobre os microorganismos nossos de cada dia, embora dê maior enfoque nos desagradáveis que causam doenças.

A Dra. Alanna Collen em seu livro 10% Humano já chega no ponto: começa dizendo que para cada 10 células que existem em nosso corpo 9 são bactérias e outros bichos. Se levarmos em conta a quantidade de genes, as bactérias somam 100 vezes mais genes que o ser humano, o que resulta em 0,5% de genes humanos na simbiose que é nosso corpo.

O Dr. Alberto Peribanez Gonzalez (autor do também excelente Lugar de Médico é na Cozinha) em seu livro Cirurgia Verde confirma a nossa representatividade frente a nossos companheiros de vida.

Mas isso serve apenas para chamar a atenção para o fato de que esses nossos amigos microscópicos são de extrema importância para a nossa saúde. Estão em todo o corpo: pele, mucosas (sim, eles estão em todos os nossos orifícios, incluindo a boca), orelhas, pulmões e intestinos.

E é sobre suas funções em nossos intestinos que pretendo focar. São inúmeras: criam substâncias que nosso corpo não conseguiria sozinho e que são essenciais à saúde. Ajudam na assimilação de nutrientes e na expulsão de toxinas.

E o que temos feito nessa simbiose? Resumindo, temos colocado para dentro muita porcaria que favorece aqueles microorganismos desagradáveis de que fala Sonia Hirsch e pouco alimento para nossos amigos tão úteis.

Meu objetivo aqui é fazer um convite: Vamos mudar o estado de coisas e bichos dentro de nós??

 

Bactérias sorridentes

Blog no WordPress.com.

Acima ↑